A CodeWeek 2016

codeweekEU-logo-600.png

A 4ª Semana Europeia do Código está a chegar. Este ano irá decorrer entre os próximos dias 15 e 23 de outubro. A iniciativa é promovida por diversas entidades europeias, das quais se destaca a Comissão Europeia.

Esta iniciativa visa celebrar a criatividade e desmistificar questões relacionadas com a programação, de forma a dar a conhecer, cativar e trazer mais crianças, jovens e adultos para este “mundo”. Atividades, como a da Semana Europeia do Código, têm sido promovidas por todo o mundo, pois apesar de toda a animação e descontração inerentes a estas ações, estima-se que só na Europa no ano de 2020 existam cerca de 825 mil vagas por preencher na área da computação. Assim, facilmente se compreende que as CodeWeeks não surgiram por “geração espontânea”, mas sim focadas no minimizar de um problema.

Portugal não tem ficado de fora desta iniciativa e à semelhança do resto da Europa tem registado um crescimento no número de participantes e de eventos ocorridos nesta semana. Estes dados demonstram que as instituições e cidadãos estão cada vez mais conscientes da importância que a programação tem no presente e que virá a ter no futuro.

Em Portugal estão, à data deste artigo, agendadas 62 iniciativas, das quais uma meia dúzia em Aveiro e Ílhavo.

Já diz o ditado que “é de pequenino que se torce o pepino”, assim já muitos pais e educadores se aperceberam que as nossas crianças não precisam de ser apenas meros utilizadores de tecnologia, podem ser criadores. O próprio Ministério da Educação já se apercebeu deste facto e lançou um projeto piloto para a integração de aulas de programação no 1º Ciclo do Ensino Básico. Assim, das atividades que se irão realizar em Aveiro, destaco as do centro de estudos Soma e Segue em Esgueira que tendo como público alvo os mais novos, têm como objetivos mostrar-lhes o que é e as utilidades da programação, terminando com a criação de um videojogo.

Se nestas atividades de curta duração se procura realizar atividades mais lúdicas de promoção desta área e de simples iniciação (cuja ferramenta mais adotada é o Scratch), nas atividades de longa duração almeja-se, essencialmente, a promoção do Pensamento Computacional. Pensamento este, resumidamente descrito por Wing como sendo um conjunto de habilidades intelectuais e de raciocínio que indica como as pessoas interagem e aprendem a pensar por meio de linguagem computacional.

Boa CodeWeek’16, recheada de atividades, e mais importante, não se esqueça que qualquer semana é boa para se iniciar no mundo da programação.

Filipe T. Moreira

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s